quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

Web Novela - ''Medo De Amar'' 46º CAPÍTULO


46º Capítulo - Diego e Eva contam para Roberta que ela perdeu o bebê.
Eva e Diego começam a chorar mais.
Diego: Ah não pode ser, meu filho não, ela já sabe doutor ? - ele diz desesperado.
Doutor: Não, eu queria saber se vocês querem falar com ela ou eu mesmo posso falar ?
Eva: Diego, vamos nós dois lá dentro falar com ela
Diego: Tá bom. Onde ela tá doutor ?
Doutor: Por favor, queiram me acompanhar.
Os dois vão junto com o doutor até o quarto onde Roberta está, eles chegam lá e ela estava chorando com as mãos na barriga.
Diego entra com Eva, os dois estavam chorando muito, e Roberta percebeu que havia acontecido algo.
Roberta: O que aconteceu ? Por que vocês estão chorando tanto assim ? 
Diego: Calma meu amor. 
Roberta: Fala logo Diego, eu tô ficando preocupada, fala logo o que aconteceu
Diego: Meu amor, o nosso filho .. - ele desaba a chorar mais e mais e não consegue dar a notícia à namorada.
Roberta: Não vai me dizer que eu .. - ela começa a desesperar e Eva nem deixa ela terminar de falar.
Eva: É filha, você perdeu o seu filho. - ela começa a chorar mais e mais também.
Roberta desaba a chorar também desesperada.
Roberta: NÃÃÃÃÃÃÃÃO ! - ela grita e todos do hospital ouvem, inclusive seus amigos que estavam na sala de espera.
NA SALA DE ESPERA..
Pedro: Essa voz é da Roberta, gente, essa voz é dela, será o que aconteceu ?
Carla: Tadinha dela, eles devem ter contado pra ela, apesar de tudo, ela estava animada com esse filho, deve ter sido um choque pra ela. Eu vou até lá.
Pedro: Não deixa que eu vou, vou dar uma força pra ela e pro Diego, Franco vem comigo, você traz a Eva pra cá acalma ela também porque ela deve estar muito triste e desesperada.
Franco: Claro, vamos Pedro.
NO QUARTO ..
Roberta: Nosso filho Diego, eu perdi ele, não pode ser, não pode ser..
Diego: Calma meu amor - ele abraça ela, e os dois ficam abraçados chorando, até que Pedro e Franco entram no quarto, Franco abraça Eva.
Eva: Ah bebê, meu netinho.
Franco: Vamos sair daqui, vamos lá tomar uma água pra você se acalmar.
Os dois saem.
Pedro: Diego! Roberta! Eu sinto muito.
Roberta: Ah Pedro, o meu filho, ele não existe mais.
Pedro: Calma Roberta - ele abraça a amiga.
Diego: Eu vou buscar uma água pra você meu amor, eu já volto. Pedro fica com ela aí.
Pedro: Pode deixar que eu fico com ela sim.
Diego sai do quarto e vai buscar água pra Roberta, ele passa perto dos amigos e nem vê eles, de tão triste e ''desligado'' do mundo que ele tá.
Márcia: Diego, Diego vem cá meu irmão.
Diego: Ah Marcinha nem te vi aí, eu tô indo buscar água pra Roberta, ela tá desesperada, muito triste.
Márcia: Calma meu irmão, ela vai precisar muito de você e você vai precisar muito dela, seja forte meu irmão. - ela dá um abraço no irmão.
Diego: Obrigado irmã.
Márcia: Bom, eu vou indo, vou pra casa, você vai comigo ?
Diego: Não, vou ficar aqui com a Roberta.
Márcia: Pode deixar que eu aviso o pai então.
Diego: Obrigado maninha. Tchau maninha, Tchau Téo.
Téo: Tchau Diego.
Márcia: Tchau maninho - ela dá outro abraço no irmão.
Eles saem e Diego vai buscar a água pra Roberta, ele pega a água, volta pro quarto e entra.
Diego: Aqui a água meu amor - ele diz entregando a água para Roberta
Roberta: Obrigado ! - ela pega a água ainda chorando e bebe.
Pedro: Roberta, esse momento que você tá passando é muito difícil, eu sou seu amigo, mais nessa hora eu não sei nem o que dizer pra você além de te dar forças, pois eu nem imagino o que você e o Diego estão passando, a rejeição e agora essa perda, deve estar sendo muito difícil, mais saiba que apesar de tudo eu estou junto com vocês, eu prometo que dessa vez eu apoio vocês e me desculpem por tudo.
Roberta: Obrigado Pedro, e eu te desculpo sim. - ela abraça o amigo.
Diego: Obrigado Pedro, tá desculpado. - ele também abraça o amigo.
Pedro: Bom gente, eu vou indo, acho que o pessoal também quer vim aqui ver vocês.
Roberta: Pedro, eu sei que eles querem ver a gente, mais eu não quero ver mais ninguém hoje além do Diego, fala pra eles que eu pedi pra eles virem aqui amanhã, por favor, você fala ?
Pedro: Falo sim Roberta. Agora eu vou indo, tchau Roberta - ele abraça a amiga. Tchau Diego - ele abraça o amigo.
Roberta & Diego: Tchau Pedro
Pedro sai, fica apenas Roberta e Diego no quarto.
Diego: Olhos Lindos, me desculpa por tudo, me desculpa por ter brigado com você lá no hotel, a culpa foi minha de você ter perdido o nosso filho, você não podia se estressar e eu te estressei, eu sei que pedir desculpas não vai adiantar, mais eu quero ao menos tentar, EU TE AMO e você sabe disso, por favor me perdoa, eu prometo que nunca mais vou te abandonar mesmo se você tiver com raiva de mim, se eu não tivesse ido embora da casa da sua mãe aquela hora você estaria bem, e nosso filho também estaria bem, eu fui um idiota ao te abandonar, agora a única coisa que me resta é te pedir perdão e esperar pelo seu perdão, pois sem você eu não consigo viver, você é a minha vida, meu porto seguro, o ar que eu respiro é você, não me deixa viver longe de você não, por favor, eu te dou o que você quiser, eu te dou outro filho, te dou o que quiser só pra você continuar comigo. - ele dizia chorando e ajoelhado no chão no quarto do hospital.

CONTINUA ...

E agora ??? Será que Roberta irá perdoar Diego ?? 

Nenhum comentário: