segunda-feira, 7 de maio de 2012

Web Novela - ''Medo de Amar'' 177º CAPÍTULO


177º Capítulo - Roberta fica com ciúmes de Diego
Alguns minutos depois, eles chegam no parque, eles descem do carro, tiram as crianças, e vão fazer o piquenique.
PARQUE
Roberta: Nossa! Aqui é lindo!
Márcia: Você tem razão, é lindo mesmo
Diego: Eu já vim muito aqui
Roberta: Com quem ?
Diego: Sozinho, pra pensar
Roberta: Mas quem te mostrou esse parque ?
Diego: Uma amiga minha
Roberta: Ah, sei 
Márcia: Aonde a gente pode se sentar ?
Diego: Ah, vocês escolhem
Roberta: Já que você conhece tanto esse lugar, escolhe você
Diego: Ok, vamos ficar ali - ele diz apontando pra um lugar, eles vão pro local, eles estendem algumas toalhas, colocam as cestas, e arrumam tudo, depois se sentam.
Roberta: Eu vou pegar a bolsa da Lua, que eu esqueci no carro, Diego me dá a chave - ela se levanta e estende a mão pra ele dar a chave pra ela
Diego: Eu vou com você - ele se levanta também, deixando Márcia e Téo conversando e Bruno e Danilo sentados perto de Lua, que também estava sentada.
Márcia: Você percebeu o clima entre eles ? 
Téo: Percebi, ela ficou com ciúme da tal amiga do Diego
Márcia: É - eles continuam conversando, enquanto isso...
Diego: O que aconteceu amor ?
Roberta: Nada, por que a pergunta ? - ela diz abrindo o carro e entrando
Diego: Você tá estranha - ele também entra no carro
Roberta: Tô nada amor, impressão sua - ela pega a bolsa de Lua Vamos ? - ela sai do carro
Diego: Vamos - ele sai do carro, fecha ele e eles voltam pro local onde Márcia, Téo, e as crianças estavam.
Lua: Mama! 
Roberta: Oi minha princesinha! - Roberta deixa a bolsa de Lua na grama e pega Lua no colo, eles ficam lá, conversando, brincando com as crianças até às 17:30(5:30).
Roberta: Dih, vamos embora, a Lua dormiu
Diego: Vamos sim - eles juntam as coisas e vão pro carro, Diego deixa Márcia, Téo, Bruno e Danilo na casa do pai dele e depois ele segue pra sua casa, ele, Roberta e Lua chegam em casa.
Diego: Amor, leva as coisas da Lua que eu levo ela
Roberta: Ok - Roberta pega tudo que tava no carro, Diego pega Lua, e eles entram em casa, eles sobem, Diego coloca Lua no berço, Roberta tira o arquinho, e os sapatos de Lua, e depois vai pro quarto, com Diego.
Diego: Roberta!
Roberta: Fala - ela diz fechando a porta
Diego: Me diz o que tá acontecendo
Roberta: Não tá acontecendo nada, eu já disse - ela dá um selinho nele e vai pro banheiro, ele vai atrás.
Diego: Eu sei que tem algo errado, me diz o que é
Roberta: Diego, meu amor, eu já disse que não tem nada de errado - ela sorriu e deu um selinho nele
Diego: Tem certeza ?
Roberta: Absoluta - ela tira a roupa, e vai tomar banho, ele, volta pro quarto, e liga a televisão.
Roberta termina de tomar banho, veste uma blusinha e coloca uma calcinha e vai pro quarto.
Ela se deita na cama, ao lado de Diego.
Diego: Você tá linda!
Roberta: Tô nada amor
Diego: Tá sim, muito linda, minha linda!
Roberta: Se você diz... - ela sorri 
Diego: Agora, eu que vou tomar um banho - ele dá um selinho nela, e vai pro banheiro, alguns minutos depois, ele volta.
Ele se deita ao lado dela.
Roberta: Você também tá lindo, como sempre!
Diego: Fofa! - ele dá um selinho nele, depois, ela se deita mais perto dele, encostada no peitoral dele.
Roberta: Amor
Diego: Fala linda - ele disse mexendo no cabelo dela
Roberta: Que amiga sua que te mostrou aquele parque ?
Diego: Eu sabia que tinha algo errado
Roberta: Hã ?
Diego: Você tá com ciúmes dela
Roberta: Tô nada
Diego: Tá sim
Roberta: Tá, eu tô com ciúmes dela, só um pouquinho, mas, e daí ?
Diego: Não precisa ficar com ciúmes dela
Roberta: Quem é ela ?
Diego: Você não deve conhecer, ela se chamava Ana Júlia Cerqueira.
Roberta: Chamava ? Como assim ?
Diego: Ela morreu em um incêndio na casa dela, há 2 anos atrás.
Roberta: Nossa! Coitada, ela era muito sua amiga ?
Diego: Era, nós eramos muito amigos desde os 10 anos de idade, quando ela morreu, a gente namorava, ela me mostrou o parque 1 semana antes dela morrer.
Roberta: Sei.. 
Diego: Eu te amo, Roberta!
Roberta: Eu também te amo, meu amor! - eles se beijam.

CONTINUA...

Nenhum comentário: