quinta-feira, 17 de maio de 2012

Web Novela - ''Medo de Amar'' 187º CAPÍTULO


187º Capítulo - Roberta&Diego brigam, mas depois o clima esquenta
Roberta fica muda.
Diego: Responde Roberta, a gente não pode ficar enrolando não, ou adia, ou cancela.
Roberta: Diego, eu quero me casar com você, só que eu não confio em você mais.
Diego: Se você não confia mais em mim, como quer se casar comigo ?
Roberta: Eu quero me casar com você porque eu te amo
Diego: Quem ama confia, e não é bem isso que você tá fazendo
Roberta: Mas você me deu motivos pra desconfiar de você
Diego: E eu já tô cansado de você dizer isso, se você realmente me amasse e confiasse em mim, iria saber que eu não fiz nada com a Júlia, e mesmo se você desconfiasse um pouco, me daria uma chance, porque todo mundo erra um dia.
Roberta: Ah, então quer dizer que você errou, ou seja, me traiu
Diego: É óbvio que não, a única errada nessa história é você, por ficar desconfiando de uma pessoa que te ama e que você ama
Roberta: A única errada já é demais né ?! Você também errou em não dizer a verdade pra mim.
Diego: Mas depois eu assumi tudo, e contei tudo o que aconteceu
Roberta: Ah Diego, eu já tô cansada disso.
Diego: Não Roberta, eu tô cansado disso, cansado de ficar fazendo juras de amor pra você quando você tá com ciúmes, cansado de fazer surpresas pra você, cansado disso tudo, porque eu sempre faço isso e você no máximo faz amor comigo.
Roberta: Então, quer dizer que você tá cansado de mim ? Você não quer mais casar comigo, é isso ?
Diego: Não Roberta, eu não tô cansado de você e eu quero me casar com você, porém, sempre sou eu que corro atrás e peço desculpas, sempre eu, e é disso que eu tô cansado, quando eu vi você e conheci você, eu sabia que você era assim, com a personalidade forte, rebelde, porém, eu achei que você ia mudar, pelo menos um pouco
Roberta: Pois é, o amor não muda as pessoas
Diego: INFELIZMENTE!
Roberta: E o que você vai fazer, em relação ao casamento ?
Diego: Eu é que te pergunto, você vai querer adiar ou cancelar ?
Roberta: Diego, eu não sei
Diego: DECIDE LOGO
Roberta: Não grita comigo, eu vou pensar
Diego: Então pensa logo, porque o casamento tá marcado pra sábado e agente não pode ficar enrolando todo mundo, igreja, buffet, vestido, terno, o espaço da festa.
Roberta: Até amanhã eu penso, ok ?
Diego: Tá, então, eu vou indo pro quarto, é melhor - ele se levanta e Roberta segura ele
Roberta: Não, fica aqui comigo
Diego: É melhor não
Roberta: Por favor
Diego: Tá, eu fico, mas, eu não me responsabilizo pelos meus atos - Roberta e Diego riem e ele se senta novamente na cama.
Roberta: Diego, se eu disser que eu vou cancelar o casamento, o que você vai fazer ?
Diego: Primeiro, eu vou chorar muito, depois eu vou arrumar minhas malas e vou embora.
Roberta: Pra onde ?
Diego: Ah sei lá, algum país bem longe daqui, e eu acho melhor eu começar a fazer isso
Roberta: Começar a fazer o que ?
Diego: Chorar e arrumar minhas malas
Roberta: Por que ?
Diego: Porque se você perguntou o que eu ia fazer se você cancelasse, é porque você quer cancelar.
Roberta: Não, claro que não
Diego: Então, você vai casar comigo ? - ele sorri
Roberta: Eu ainda não sei
Diego: Ai, se decide poxa - ele fica bravo
Roberta: Calma
Diego: Eu tô calmo
Roberta: Não tá
Diego: Tô sim
Roberta: Ok, se você diz
Diego: Amor - ela olha pra ele desculpa, é que eu estou acostumado.
Roberta: Tudo bem
Diego: Roberta, eu vou pro quarto agora
Roberta: Tem certeza ?
Diego: Aham, eu não consigo ficar aqui
Roberta: Tudo bem, se você não quer ficar aqui comigo, eu entendo - ela faz uma carinha fofa
Diego: Para Roberta! Assim eu não resisto poxa, depois, eu acabo te beijando, e você fica com raiva
Roberta: Tudo bem, eu parei, se quiser, pode ir, eu vou deixar
Diego: Mas agora eu quero ficar
Roberta: Ok, fica - e um silêncio reina dentro daquele quarto, e depois de 5 minutos, Roberta quebra o silêncio.
Roberta: Nossa, que silêncio.
Diego: É, agora acabou o silêncio
Roberta: Eu não gosto de silêncio
Diego: Eu gosto, principalmente quando eu estou perto de você
Roberta: DIEGO! - ela olha pra ele
Diego: Calma, mas eu gosto mesmo, porque aí eu posso ficar olhando pra você, e acabo me perdendo nos meus pensamentos
Roberta: E isso é bom ?
Diego: Quando a gente tá na seca, sim - Roberta começa a rir.
Diego: Do que você tá rindo ? É a mais pura verdade.
Roberta: Na seca, Diego ?
Diego: É, tem mais de 1 semana que a gente não transa, e do jeito que eu sou azarado, você vai ficar mais uns dias com raiva de mim, e aí pronto, vai acabar comigo né ?
Roberta: Aah, coitadinho! - ela aperta o membro dele por cima da calça e começa a rir.
Diego: Roberta, não mexe com fogo, Roberta!
Roberta: Mexo, mexo sim, porque eu tô doida pra me queimar
Diego: Ah tá é ?
Roberta: - ela sorri safada
Diego: Então quer dizer que você me perdoou ?
Roberta: Não, ainda não
Diego: E quer transar comigo mesmo com raiva de mim ?
Roberta: Quero
Diego: Mas eu não quero - ele se levanta
Roberta: Ah não ? Você não acabou de dizer que tá na seca ?
Diego: Disse, mas, eu quero o seu perdão primeiro
Roberta: Que perdão o que, depois eu penso nisso, agora eu quero você - ela se aproxima dele.
Diego: Roberta, eu disse que não
Roberta: Eu sei, mas você não precisa dizer sim ou não, se você não quer, e eu quero, ficar na vontade que eu não vou - ela joga ele na cama
Diego: ROBERTA! 
Roberta: Cala a boca, você não quer, mas eu quero, e mesmo você não querendo vai ter que fazer o que eu quero
Diego: Ah, vou ?
Roberta: Vai
Diego: Não vou
Roberta: Vai sim, você pode não querer, mas o seu queridinho aqui - ela aperta o membro dele que já estava duro, por cima da calça quer - ela sorri safada e tira a camisa de Diego, jogando ela no chão.

CONTINUA...
Capítulo dedicado à Eduarda *--*

3 comentários:

celeste rannya disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
tais disse...

posta mais

celeste rannya disse...

to morta de curiosidade. o proximo capitulo dedica pra mim. bjuuuusss