quarta-feira, 23 de maio de 2012

Web Novela - ''Medo de Amar'' 192º CAPÍTULO


192º Capítulo - Roberta e Diego voltam
Diego saiu do quarto, desceu pro 1º andar e saiu de casa no seu carro. Ele seguiu para um lugar muito especial pra ele, o último lugar que ele foi com sua mãe antes dela falecer. Ele chegou no local, estacionou, saiu do carro e se sentou em um banco que tinha no parque, e lá ele fico refletindo sobre a vida e também relembrando os momentos dele com a mãe dele naquele parque.
PARQUE

Ele já havia ido lá muitas vezes com sua mãe, quando ele era criança e depois que ela morreu ele só ia lá quando estava triste e quando precisava refletir e pensar pois, ele sabia que quando ele fosse lá, a mãe dele ia estar lá com ele e lhe daria forças. Ele ficou lá durante um bom tempo, e começou a se lembrar de sua infância.
FLASH BACK ON'
Diego: Mamãe, mamãe! - ele corria em direção à mãe que sorria pra ele
Flávia: Vem cá amorzinho da mamãe - ela pega Diego, com apenas 4 anos de idade, no colo.
Diego: Mamãe, eu amo você! - ele dá um beijo na bochecha da mãe
Flávia: Eu também te amo meu amorzinho!
Leonardo: E ninguém ama o papai não ? - o pequeno Diego pula no colo do pai e o abraça.
Diego: Eu amo você também papai
Leonardo: Eu também amo você filhão, amo você e amo a sua mamãe - Leonardo, Flávia e Diego se abraçam
FLASH BACK OFF'
Ao se lembrar desses momentos, Diego deixou algumas lágrimas caírem e uma menininha loira apareceu lá lhe entregando uma rosa branca.
Menina: Vá atrás de quem você ama, porque depois pode ser tarde demais! - ela disse isso e foi embora correndo, Diego olhou para a rosa branca e no caule dela estava escrito ''FLÁVIA''. Diego leu e se assustou, mas logo ele pensou, pensou e descobriu que aquilo poderia ser um sinal da mãe dele de que era pra ele ir atrás da Roberta, e foi isso que ele fez, ele saiu do parque, ainda com a rosa na mão, foi pro carro e dirigiu até sua casa, ele chegou, desceu do carro, entrou em casa, subiu até o quarto dele e de Roberta, e encontrou ela sentada na cama, com os olhos vermelhos, porém já tinha parado de chorar, ela estava muda, e ele se aproximou dela.
Diego: Roberta! - ele pegou na mão dela, ainda com a rosa na outra mão
Diego: Roberta me perdoa, eu amo você e não consigo ficar nem mais um minuto longe de você, vamos ficar juntos, vamos nos casar, por favor, me perdoa - ele entregou a rosa para ela
Roberta: Eu te perdoo e eu também amo você - ela abraça ele e ele beija ela, era um beijo muito carinhoso, e só acabou quando o ar faltava.
Diego: Eu senti tanta falta de você
Roberta: Eu também senti muita falta de você - eles dão um selinho
Diego: Você já almoçou ?
Roberta: Não, eu tô sem fome
Diego: Mas você precisa comer, vem - ele se levanta e puxa ela, mas ela se senta de novo
Roberta: Ah, eu queria ficar o resto do dia juntinho com você - ela faz biquinho
Diego: Ah, não faz isso, eu não resisto, mas você precisa comer, amor
Roberta: Tá bom, eu vou, seu chato
Diego: Vamos descer, vem - ele puxa ela, dá um selinho nela, os dois entrelaçam os dedos e descem, Diego insiste, mas Roberta come apenas uma maça e depois os dois sobem pro quarto e se deitam na cama, abraçados.
Diego: Eu continuo achando que você comeu pouco amor, você bebeu muito ontem e precisa comer direito
Roberta: Ah amor, eu tô bem e por favor não me lembre de ontem
Diego: Ok, ok, marrentinha
Roberta: Inha ? 
Diego: Tá bom, marrentona - eles riem e se beijam.

CONTINUA...
Capítulo dedicado à Eduarda e à Fran *--*

2 comentários:

moonlight disse...

lindo

Juliana Teixeira disse...

chorei com a parte da mãe dele :"))