sábado, 23 de fevereiro de 2013

Web Novela - ''Medo de Amar 2ª Temporada'' 6º CAPÍTULO

6º Capítulo - Lua caí da escada e Roberta chora junto com a filha.

Pov Diego On'
Fiquei fazendo cafuné na Roberta até ela adormecer, e quando ela adormeceu, me levantei bem devagar, para não acordá-la e fui até a varanda do nosso quarto, que estava mostrando a Lua, do céu, ainda estava um pouco cedo, mas o Sol já tinha ido embora e a Lua estava ficando cada vez mais linda, isso ajudará muito no meu plano para hoje a noite.. Vai fazê-lo ficar ainda mais perfeito!

Fiquei alguns minutos observando o céu, as nuvens e a Lua, e depois entrei novamente no quarto, Roberta permanecia dormindo, então desci até a cozinha, bebi um copo de água e depois fui a ver a Lua, a minha Lua, minha princesinha, que também estava dormindo feito um anjinho no berço. Fiquei ali, parado, babando na minha filha, que era linda, linda como a mãe, mas também tinha traços meus 'rs

Depois de um bom tempinho observando a Lua, ela acordou e antes que ela começasse a chorar, pois ainda não tinha se acostumado com aquele quarto, eu a peguei no colo.
Diego: Princesinha do papai, você tá com fome ?
Lua: Eu quelo macanzinha papai.
Diego: Eu vou te dar, vamos lá na cozinha com o papai. - eu disse saindo do quarto dela com ela no colo.
Lua: Quelo andar papai. 
Diego: Ok, vai andando, mas dá a mão o papai pra não cair na escada. - eu deixei ela no chão e ela segurou a minha mão.
Lua: Cadê mamãe ?
Diego: Tá dormindo princesinha..
Lua: Papai, amanhã tuxê me leva na tole de novo ?
Diego: Amanhã não princesinha, outro dia a gente volta lá.
Lua: Ah papai, mas eu quelia ir de novo.
Diego: A gente vai filha, mas outro dia, amanhã nós iremos em outros lugares.
Lua: Tá bom. - nós descemos as escadas e fomos até a cozinha, eu peguei a maça, descasquei ela e peguei uma colher pequena, fomos para a sala de televisão, coloquei a Lua no meu colo, e eu estava raspando a maça e dando para ela enquanto ela assistia Bob Esponja.
Lua: Papai, quelo ver Dola.
Diego: Mas não tá passando o desenho da Dora agora filha.
Lua: Tuxê tá loco papai ? - ela me chamou de louco, mas fui obrigado a rir, ela fez uma voz muito fininha e engraçada.
Diego: Tô não filha - eu disse parando de rir
Lua: Então coloca na Dola, papai.
Diego: Mas não tá passando, quando começar, eu coloco tá ?
Lua: Tá bom, deixa bob eponja então. - eu continuei dando a maça para ela e depois que terminou, ela deitou no sofá e continuou assistindo Bob Esponja, quietinha.
Diego: Filha, o papai vai lá em cima e já volta tá ? Qualquer coisa chama a Adele. - Adele era a empregada, era francesa e morava na França mas já tinha morado 6 anos no Brasil, então falava português.
Lua: Tá bom papai. - eu saí da sala, deixei a colherzinha na cozinha e subi para o meu quarto, Roberta permanecia dormindo, eu me deitei ao lado dela e lhe dei um beijo no pescoço, ela só se mexeu mas nem acordou, fiquei ali deitado um tempinho perto dela, até que adormeci.
Pov Diego Off'

ALGUNS MINUTOS DEPOIS...

Pov Roberta On'
Estava dormindo, quando ouço um choro e logo depois um grito abafado, abri os olhos e vi Diego dormindo tranquilamente, me levantei bem rápido, e fui ver o que tinha acontecido, passei pelo quarto da Lua e vi que ela não estava no berço, então me preocupei, fui correndo até a escada e lá de cima vi a Lua no colo da Adele chorando muito e com as perninhas e bracinhos machucados.
Roberta: O que aconteceu com a minha filha, Adele ? - eu disse já chorando e descendo as escadas.
Adele: Ela caiu dona Roberta, me desculpe eu não vi, alguns minutos atrás ela estava com o Diego na sala, me parece que ele subiu e ela foi subir logo em seguida e caiu do 4º degrau, ouvi o barulho e vim logo correndo para ver o que era, e encontrei ela aqui caída.
Lua: Mamãe, tô dodói olha.. - ela disse chorando muito e mostrando os machucados.
Roberta: ô meu amor, vem aqui na mamãe vem.. - eu peguei ela no colo.
Roberta: Adele, vá chamar o Diego por favor, ele está dormindo, mas pode acordá-lo sem dó, mande ele vir aqui. 
Adele: Sim senhora. - Diego estava sem camisa, mas Adele era uma mulher de 47 anos, então não tinha perigo nenhum dela ir acordá-lo. Me sentei na escada com a Lua no colo, ela chorava muito e eu também, odiava ver minha filha machucada ou chorando, mesmo quando ela chorava por motivos bobos, que não era o caso agora.
Pov Roberta Off'


CONTINUA...

Nenhum comentário: